Fazenda vertical fornece itens de FLV para supermercados de São Paulo

Projeto 100% Livre, criado  em parceria com a Embrapa, leva produtos livres de agrotóxicos para redes de supermercados da capital paulista

Os supermercados da capital paulista começam a receber produtos que compõem a categoria FLV (frutas, legumes e verduras) do projeto 100% Livre, um sistema de agricultura desenvolvido em parceria com a Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária). Voltada para a produção em ambientes fechados, controlados e livre de agrotóxicos, as primeiras colheitas de alface, salsa, tomilho, sálvia, hortelã e manjericão foram cultivadas em uma fazenda vertical, no bairro do Ipiranga, na capital de São Paulo.

A partir deste mês os produtos chegam aos supermercados, nos formatos de hortifrutis da região, e podem ser comercializados pelo modelo de assinatura mensal, além das vendas nas redes de supermercados. A fazenda vertical utiliza torres de 12 metros de altura para produzir em escala comercial e o cultivo segue as orientações dos agrônomos da Embrapa e de profissionais técnicos do próprio projeto.

O plantio de vegetais é feito sem solo ou substratos, enquanto a iluminação é artificial, a partir dos painéis de LED. Já o controle meteorológico mantém o ambiente propício para os alimentos com as melhores condições de temperatura, umidade do ar, radiação, concentração de CO2, entre outras.