4 motivos essenciais para automatizar a gestão em supermercados

Veja a importância deste investimento para aumentar a produtividade e conquistar o consumidor

Estabelecimentos dinâmicos e cheios de oportunidades para Marketing, os supermercados estão prontos para renovar, inovar e conquistar o consumidor. Apesar da grande evolução tecnológica, esses grandes centros varejistas ainda têm como base a simplicidade: consumidor entra, escolhe produtos, coloca no carrinho e paga no caixa. O que pode ser feito para deixar este “processo” ainda melhor?

É claro que o processo básico da experiência do supermercado passou por muitas mudanças, seja pelo pagamento via cartão, leitura de código de barras, sistema antifurto, câmeras de segurança, marketing indoor, entre outras inovações, que ajudaram a enriquecer a experiência do consumidor e oferecer melhor produtividade para os colaboradores.

Confira alguns motivos para se investir em inovações e automatização no supermercado: 

Rapidez em ações

Nos dias atuais, o atendimento, a consulta de preços e a precificação, por exemplo, andam acompanhados de algum sistema automatizado. O cliente percebe os deslizes quando há grandes filas nos caixas, falta de preços, erros de informação, entre outras consequências da carência de ações mais assertivas.

Menores perdas (inventário/quebras)

Dados de uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Supermercados, apresentada na Convenção ABRAS 2017, mostram que as perdas do varejo brasileiro de supermercados representam 2,10% do faturamento bruto de R$ 338,7 bilhões, que totalizaram 7,11 bilhões.

Entre os motivos de perdas, estão as avarias, vencimento, furtos e erros administrativos – situações que podem gerar transtornos para clientes e poderiam ser evitadas com uma gestão mais automatizada.

Aumento da produtividade

Com soluções que possam manter uma qualidade e eficiência no controle das movimentações no inventário, é possível obter um estoque organizado e, consequentemente, maior eficiência organizacional.

A partir de um processo bem dinâmico, que mantém em sintonia os processos de recebimento/expedição, armazenagem e separação, é possível manter um time alocado e o atendimento dos prazos de distribuição às unidades de negócio e ao cliente final.

Melhor reposição

Vivemos em um momento desafiador no comércio e as rupturas e perdas por vencimento, digamos são inaceitáveis. Pior saber que, com uma gestão de inventário mais organizada e automatizada, isso pode ser evitado.

A melhor precisão dos estoques se refletirá em uma distribuição mais assertiva, menores perdas por vencimento ou avarias, e maiores serão as chances de fidelização do cliente.

Com informações: NV, O Diário.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.